Banco Alimentar promove recolha de alimentos este fim de semana

Sob o mote “Seja o próximo a ajudar o próximo”, os voluntários do Banco Alimentar Contra a Fome regressam este fim-de-semana, dias 28 e 29 de Maio, aos supermercados para recolher alimentos para quem mais precisa.

“Farinhas para bebés, azeite, salsichas e leguminosas enlatadas são alguns dos bens que mais falta fazem. Muitas vezes, e percebo por quê, as pessoas dão arroz, massa e produtos mais económicos, e esquecem-se dos restantes que fazem muita falta”, de acordo com Graça Mocinha, responsável pelo polo de Elvas do Banco Alimentar Contra a Fome.

Além da doação de alimentos, Graça Mocinha apela a toda a população, sobretudo “aos que recebem apoios do banco alimentar, para que nestas campanhas participem como voluntários. Cada vez é mais difícil termos voluntários para recolher alimentos. E, nesse sentido, apelo a que as pessoas deixem o conforto e não tenham vergonha de pedir para quem mais precisa”.

Até dia 5 de junho está a decorrer a campanha “Ajuda Vale” que permite aos consumidores pagar os alimentos, na caixa, sem que realmente os adquiram, e esse donativo é depois entregue ao Banco Alimentar.

Atualmente, o polo de Elvas do Banco Alimentar Contra a Fome “entrega bens alimentares a sete instituições da cidade e uma de Campo Maior, apoiando mais de 800 pessoas. Se não fossem as campanhas realizadas a nível nacional, seria impossível dar resposta a estas necessidades, sobretudo nos últimos anos, em que a campanha do saco não se realizou de forma presencial”.

As campanhas de recolha de alimentos para o Banco Alimentar Contra a Fome realizam-se duas vezes por ano, habitualmente nos últimos fins-de-semana de Maio e de Novembro.