“Badajoz, la Ciudad Encendida” abre no dia 4

POSTER-TV-LA-CIUDAD-ENCENDIDA-2020O evento “Badajoz, la Cuidad Encendida” vai ser inaugurado na próxima sexta-feira, 4 de setembro, na Praça Alta. O concejal do Turismo da Ayuntamiento de Badajoz, Jaime Mejías, apresentou, em conferência de Imprensa, o programa da quarta edição deste evento, que tem a finalidade de unir o património monumental de Badajoz com as artes cénicas e os artistas das várias disciplinas artísticas. O autarca salientou três objetivos importantes: dinamizar setores económicos de Badajoz, como sejam o comércio, a hotelaria e o turismo, muito afetados pela pandemia; apoiar os artistas locais e da Eurocidade Badajoz-Elvas-Campo Maior; e garantir a segurança sanitária de todos os participantes.

As atuações artísticas são gratuitas e terão lugar em cinco locais da cidade: a Praça Alta, a Praça de la Soledad, a Praça de San André ou de Cervantes, o Hornabeque da Ponte de Palma e o Forte de San Cristobal. Os espetáculos vão ter lugar todas as sextas e sábados de setembro e outubro; em setembro com início às 21 horas (20 horas em Portugal) e em outubro às 20 horas (19 horas em Portugal), com a finalidade dos espetáculos aconteceram durante o pôr-do-sol.

Na próxima sexta-feira, dia 4, na Plaza Alta, anunciam-se as atuações do baile flamenco de flamenco Jesús Ortega, acompanhado pela bailarina convidada Cristina Gallego, sendo Cristina Hoyos a diretora e coreógrafa deste espetáculo. Nos espetáculos de “Badajoz, la Ciudad Encendida” o público é obrigado a usar máscara, há dispensadores de álcool-gel e distância de metro e meio entre espectadores.