Ano letivo 2019/2020 foi “muito atípico”, diz Fátima Pinto

SecundariaElvasO ano letivo 2019/2020 já terminou depois de mais de três meses de ensino à distância, em que a maioria dos alunos e professores estiveram ligados online.

“Foi um ano muito atípico. Todos fomos apanhados de surpresa e aquilo que me vem logo à cabeça é: parabéns aos professores. Trabalharam imenso, não houve fins de semana ou horas de almoço e jantar, deram os seus contactos pessoas e por isso mesmo, muitos parabéns a todos os profissionais de educação que trabalharam incansavelmente para que este ensino à distância funcionasse”, referiu Fátima Pinto, diretora do Agrupamento de Escolas nº3 de Elvas.

No entanto, apesar do esforço de todos, Fátima Pinto assume que “o ensino à distância é apenas um remendo não substituindo o ensino tradicional. Todos sabemos que não é um ensino justo e que acaba por agravar as diferenças sociais mas foi a forma encontrada para fazer face à situação”.

Sobre o próximo ano, ainda pouco se sabe, além de que deverá arrancar entre 14 e 17 de setembro.