Alentejo sem novos casos de Covid-19 e Portugal com mais 32 mortos

Covid-19O Alentejo não regista hoje, 15 de abril, qualquer novo caso de infeção por covid-19, mantendo-se, dessa forma, nos 155 doentes.

Nas últimas 24 horas, em Portugal houve mais 32 mortos, mais 643 infetados, menos 27 pessoas hospitalizadas, menos 10 doentes em cuidados intensivos e mais 36 casos recuperados.

O número total de infetados situa-se agora nos 18.091, mais 643 face ao dia de ontem.

O número de mortos, no nosso País, devido à Covid-19, subiu para 599, nesta quarta-feira dia 15, enquanto o número de infetados pela doença é de 18.091. O número de vítimas mortais, em Portugal, de terça para quarta-feira, subiu de 567 para 599, mais 32, um aumento de 6%. De ontem para hoje, o número de infetados cresceu de 17.448 para 18.091, mais 643, um acréscimo de 4%.

Os 599 mortos da Covid-19, em Portugal, estão registados 339 no Norte, 136 no Centro, 111 em Lisboa e Vale do Tejo, nove no Algarve e quatro nos Açores. As regiões do Alentejo e Madeira não têm casos mortais registados. Os 18.091 infetados, no nosso País, foram detetados 10.751 no Norte, 2629 no Centro, 4102 em Lisboa e Vale do Tejo, 155 no Alentejo, 295 no Algarve, 59 na Madeira e 100 nos Açores.

Relacionados com a Covid-19, o território nacional tem 128.653 casos não confirmados; 26.144 situações estão em vigilância; 4060 pessoas aguardam resultados; temos 1200 doentes hospitalizados (menos 27 que ontem); há 208 pacientes em unidades de cuidados intensivos (menos 10 que ontem); temos 383 casos de pessoas recuperadas desta doença (mais 36 que ontem); e, desde 1 de janeiro passado, o total de casos é 150.804.

Na última semana, em Portugal, as percentagens diárias de aumento do número de infetados, nas 24 horas anteriores têm sido as seguintes: quarta-feira 8 de abril 5%; quinta 9 de abril 6%; sexta-feira 10 de abril 11%; sábado 11 de abril 3%; domingo 12 de abril 4%; segunda-feira 13 de abril 2%; terça 14 de abril 3%; e quarta-feira 15 de abril 3%.

Por fim, ao falar da Covid-19, a Rádio Campo Maior reforça os conselhos fundamentais: lave as mãos com muita frequência, mantenha uma distância mínima de dois metros com outras pessoas e fique em casa o mais que puder; pela sua saúde, pela saúde dos seus, pela saúde de todos!