Treino de tarefas de vida diária no “Envelhecer Melhor”

Laura CebolaTarefas tão simples como tomar banho, mudar de roupa, comer ou lavar os dentes tornam-se difíceis para muitos idosos. É necessário, por isso, que quem lida com eles diariamente procure trabalhar o desempenho dessas pessoas ao nível das tarefas de vida diária.

Laura Cebola, terapeuta ocupacional no Centro Humanitário de Elvas da Cruz Vermelha, explica, na edição desta semana da rubrica “Envelhecer Melhor” que, inicialmente, é necessário identificar os problemas de desempenho dos utentes, para depois realizar esse trabalho de treino de atividades quotidianas.

“Nós identificamos os problemas de desempenho através de uma recolha de informação com o próprio doente, se possível, e da observação direta em contexto real ou simulado”, explica Laura Cebola. “Posteriormente, e tendo em conta fatores como o estado clínico do utente, a nível cognitivo e motor, serão definidos os seus próprios objetivos e as suas perspetivas futuras, ou seja, se irá reintegrar o domicílio ou não”, acrescenta.

Para realizar este trabalho, junto dos utentes, explica ainda a terapeuta, é necessário envolve-los, de início, nas atividades; utilizar sempre frases simples; exemplificar, quando for necessário; e utilizar materiais de fácil manuseamento.

O programa desta semana para ouvir, na íntegra, aqui: