Cruz Vermelha de Elvas tem 80% das camas com comparticipação

CamasCruzVermelhaElvasO Centro Humanitário de Elvas da Cruz Vermelha Portuguesa abriu portas em abril de 2011 e “dispõe, desde 2018, com 80 por cento das suas camas com acordos na Segurança Social, o que permite que a mensalidade paga pelos clientes seja comparticipada pela entidade estatal”, segundo a diretora Isabel Mascarenhas.

Isabel Mascarenhas gostaria que a instituição tivesse “as camas todas com acordos na Segurança Social para que os idosos pudessem terminar a sua vida de forma digna e com todas as condições”.

O Centro Humanitário de Elvas da Cruz Vermelha Portuguesa dispõe das valências de residência sénior e cuidados continuados, sendo que, desde 2018, dispõe de mais 15 camas para a unidade de convalescença.