Festival “Lá Fora” arranca hoje em Évora

Festuival La fora2019A sexta edição do “Lá Fora”, Festival Internacional de Artes Performativas, organizado pela Fundação Eugénio de Almeida, decorre entre hoje, dia 13, e domingo, dia 16, em Évora. Para estes dias, estão preparados vários espetáculos de música, dança e arte.

Hoje, quinta-feira, depois da inauguração do evento, há concerto com os Bluish: projeto musical de Vera Vaz e João Farmhouse iniciado em 2017 e já com larga experiência nacional e internacional.

Amanhã, sexta-feira, 14 de junho, o Centro de Arte e Cultura da Fundação Eugénio de Almeida acolhe, a partir das 15 horas, as piruetas, fantasias e extravagâncias do Monsieur Culbuto. Pelas 18.30 horas, no Jardim das Casas Pintadas, Ulrich Mitzlaf apresenta o seu muito recente Dez miniaturas sónicas sobre “O grito” de Edvard Munch. À noite, há música com Daniel Catarino e, mais tarde, com Bruno Pernadas.

No Centro de Arte e Cultura, no sábado, dia 15, Monsieur Culbuto, vai marcando presença no Páteo de Honra, entre as 11 horas até às 19h30, altura em que Kate March, performer, bailarina e artista visual, apresenta Secret Epiphanies. Já Inês Pimenta apresenta o seu espetáculo musical no Pátio Pequeno, às 19 horas. A partir das 21.30 horas, há música com os Lavoisiser e Kumpania Algazarra.

O festival chega ao fim, no dia 16, com a participação de Monsieur Culbuto. Ao longo dos quatro dias de evento, destaque para dois projetos especiais: “Corpografias Imaginárias”, exposição de trabalhos realizados no âmbito do Serviço Educativo da Fundação Eugénio de Almeida e dirigidos pela artista plástica Susana Marques; e “Passagem”, da elvense Joana Leal.13