Precisão da aterragem à prova no Torneio de Paraquedismo “Cidade de Elvas”

DSC_0115Cerca de 30 paraquedistas, de seis equipas diferentes, estão este sábado, 8 de junho, em prova, no 13º Torneio de Paraquedismo

“Cidade de Elvas”, que contempla a primeira prova da Taça de Portugal de Aterragem de Precisão.

Carlos Dores, presidente da Associação de Paraquedismo do Alto Alentejo, explica que, apesar dos apoios serem cada vez menos, procura-se sempre realizar, ano após ano, o evento, no Estádio de Atletismo de Elvas. “Esta prova fazia-se em dois dias, mas tivemos de reduzir apenas para um”, explica, lembrando ainda que a organização do evento conta, entre outros, com o apoio do Município de Elvas e da Junta de Freguesia de Caia, São Pedro e Alcáçova.

Em prova está o elvense Ricardo Guerreiro, em representação do Aeroclube de Évora, que, após o primeiro salto, revelou-se bastante satisfeito com o resultado, tanto a nível individual, como da equipa. Enquanto membro da organização do evento, garante que o mais importante é que tudo corra pela melhor, para os atletas, assim como para quem está a assistir, nas bancadas do Estádio de Atletismo.

Já para o presidente da Junta de Freguesia de Caia, São Pedro e Alcáçova, João Rondão, esta é uma modalidade “muito interessante”, que acaba por dar alguma vida à cidade.