Exposição “Mar profundo português” no Centro de Ciência do Café em Campo Maior

DSC_0012A exposição “Mar profundo português” está patente no Centro de Ciência do Café em Campo Maior.

O professor Mário Ruivo, natural de Campo Maior, era formado em biologia pela Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa e especializou-se em oceanografia biológica e gestão de recursos vivos na Universidade Paris-Sorbonne, tendo desenvolvido investigações em Portugal e em diversos países europeus.

Deteve vários cargos relacionados com o ambiente ao longo dos anos, tais como o de diretor da Divisão de Recursos Aquáticos e do Ambiente do Departamento de Pescas da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura, o de secretário da Comissão Oceanográfica Intergovernamental da UNESCO, o de presidente da Comissão Oceanográfica Intersectorial do Ministério do Ensino Superior e da Ciência e Tecnologia e o de presidente do Conselho Nacional do Ambiente e do Desenvolvimento Sustentável.

A exposição está patente no Centro de Ciência do Café ,em Campo Maior, até dia 21 de março.