Projeto “Reabilitar para arrendar” quer dar nova vida ao centro histórico

Foto do antes e do futuro do edifício cedida pela CM de Campo Maior
Foto do passado e do futuro do edifício cedida pela CM de Campo Maior

O projeto de reabilitação de casas devolutas no centro da vila “Reabilitar para arrendar” está a ser realizado pela Câmara Municipal de Campo Maior em parceria com o Instituto de Habitação e Reabilitação Urbana. Na Rua Direita há um prédio que vai dar lugar a três apartamentos. A Rádio Campo Maior esteve no local e entrevistou o presidente da Câmara Municipal de Campo Maior, Ricardo Pinheiro.

De acordo com o presidente o município fez um levantamento dos 106 imóveis degradados com o intuito de criar um projeto para sensibilizar os proprietários para reabilitarem o edificado. Ricardo Pinheiro acrescenta ainda que quem não o fizer vai ser penalizado com 30% de aumento de IMI de acordo com o Regulamento Geral para as Edificações Urbanas que indica que as propriedades devem ser conservadas.

O município prevê mais reabilitações de casas dentro do mesmo projeto, no próximo a câmara propõe-se a reedificar 12 habitações. O vereador Luís Rosinha explicou que a obra deve estar concluída no final do ano. De acordo com o vereador a obra prova que é possível reabilitar casas no centro histórico da vila.