Testes de pré-arranque nas ETAR de Barbacena e São Vicente (c/fotos)

Os testes de pré-arranque nas ETAR de Barbacena e São Vicente realizaram-se esta tarde. Para que o funcionamento a 100% do tratamento de águas residuais do concelho de Elvas fique pronto, fica apenas a faltar a conclusão da obra nas estações de tratamento da Calçadinha e Varche, de acordo com Nuno Mocinha, Presidente da Câmara de Elvas.

O Secretário de Estado do Ambiente, Carlos Martins, salientou que a região do Alentejo, que antes estava mais esquecida do ponto de vista do tratamento de águas e resíduos, agora é o território com maior cobertura, ultrapassando taxas de 90%.

Carlos Martins revelou também que Elvas poderá ter uma rede secundária criada a partir da sua ETAR que vai permitir a reutilização da água em regas, durante períodos de maior escassez.

O engenheiro Barnabé Pisco da Águas do Vale do Tejo,  disse que o projeto vai servir um total de 1400 pessoas das duas freguesias

João Charruadas Presidente da junta de freguesia de São Vicente mostrou-se satisfeito por uma obra que há muito era aguardada pela população.

Jorge Madeira, Presidente da União de Freguesias de Barbacena e Viola Fernando, concordou dizendo que finalmente se venceu uma batalha que durava já há de 20 anos.

O investimento das obras nas ETAR de Barbacena e São Vicente ultrapassa os 700 mil euros.