Greve de dois dias no sector da Saúde

hoselvasOs trabalhadores do sector da saúde iniciaram uma greve nacional de dois dias.

Esta paralisação que afecta o dia de hoje e de amanhã, foi convocada pelo Sindicato dos Trabalhadores da Administração Pública (Sintap).

A greve abrange todos os trabalhadores da saúde, com excepção de médicos e enfermeiros, dos hospitais e centros de saúde.

Ilídio Pinto Cardoso, porta-voz da Unidade Local de Saúde do Norte Alentejano, que tutela os hospitais de Portalegre e Elvas, afirma que os serviços no Hospital e no Centro de Saúde de Elvas estão a funcionar conforme a normalidade, sendo que apenas o Hospital de Portalegre está a sofrer perturbações no serviço das consultas externas.

O protesto pretende exigir o regime de 35 horas de trabalho semanais para todos os funcionários, progressões na carreira e pagamento de horas extraordinárias.