Requalificação das muralhas de Campo Maior seguem a bom ritmo (com fotos)

Requalificação Muralhas Campo Maior Martir Santo (3)As obras de requalificação das muralhas de Campo Maior, e da igreja de São Sebastião na zona de Martir Santo, começaram no fim do ano passado e de acordo com Ricardo Pinheiro, presidente do município de Campo Maior, “continuam a bom ritmo”.

A população de Campo Maior, olha com satisfação para a obra, ainda que alguns sintam que a requalificação devia ter acontecido mais cedo.

Aurélio, residente em Campo Maior, diz-nos que é importante ter um local histórico arranjado. Quanto a Joaquim, que nasceu em Martir Santo, é com alegria que vê a realização das obras, onde espera no futuro voltar a visitar o local ver também turistas a passar naquele local.

Francisco Delgado assume que a “requalificação é uma mais-valia para Campo Maior”. Já Joaquim Lúcio Galo diz que a obra devia ter sido realizada mais sedo. “Gostava que tivesse sido mais cedo, mas nem sempre há verbas, agradeço a obra ao Presidente da Câmara”, disse.

O tempo previsto para a conclusão é de 24 meses e representa um total de cinco milhões de euros de investimento comparticipado.

A intervenção prevê a requalificação de 1600 metros da muralha da fortificação de Campo Maior, com uma altura média de dez metros.

Esta será uma requalificação que vai incidir numa área total de 16 hectares.