PEV apresenta propostas de circulação ferroviária em Elvas

Manuela CunhaManuela Cunha, dirigente do Partido Ecologista Os Verdes (PEV) e candidata à Câmara Municipal de Elvas, nas últimas eleições autárquicas, apresentou, em conferência de imprensa, esta sexta-feira, 16 de Fevereiro, propostas para melhorar o serviço do transporte ferroviários de passageiros para Elvas, de forma a alargar o horário de passageiros para a estação da cidade.

Após a abertura da linha do Oeste a Elvas para passageiros, nesta nova legislatura, a população voltou a ter serviço de comboios, no entanto, Manuela Cunha, assume que este serviço está muito limitado tendo em conta que os utentes do comboio apenas têm um espaço de cerca de duas horas em Elvas se fizerem viagens de ida e volta.

Manuela Cunha fala em “criar uma segunda oferta de horário (ida e volta diárias) na ligação Entroncamento-Elvas e deslocar as duas ofertas horárias para horas de maior movimento de passageiros”.

De acordo com ‘Os Verdes’, até à criação do segundo horário, a partida do Entroncamento e a saída de Elvas deve-se manter no Entroncamento as ligações aos comboios Intercidades da linha do Norte.

Em declarações à imprensa Manuela Cunha, refere também a criação da ‘Rota das Linhas de Elvas’, tomando o exemplo da ‘Rota das Amendoeiras em Flor’ e o reforço de comboios com horários adaptados na alturas dos maiores eventos da região como a Feira Anual de São Mateus, o Festival do crato ou a Feira da Doçaria de Portalegre.

Manuela Cunha aponta também para a importância de “criar uma ligação intercidades semanal entre Lisboa e Badajoz”.

Manuela Cunha já esteve reunida com a administração da CP (Comboios de Portugal), onde referiu à nossa reportagem que a entidade olhou para estas medidas de forma muito satisfatória.