Elvas: Consultas de Oncologia estão asseguradas

HospitalEspiritoSantoEvora

A saída de três clínicos do Serviço de Oncologia do Hospital do Espírito Santo de Évora poderá condicionar o funcionamento do Hospital de Dia, em Elvas.

No entanto, para já, a situação está assegurada pelo Dr. Sérgio Barroso que, de acordo com Maria Horta, presidente da Associação de Oncologia do Alentejo, “sempre se mostrou disponível para dar resposta às solicitações que lhe são feitas”.

“Na versão que nos foi transmitida pelo presidente do conselho de administração do hospital de Évora sim, as consultas estão asseguradas em Elvas”, refere Maria Horta.

A situação do hospital de Évora vai ser resolvida numa primeira fase, com recurso à contratação de oncologistas em regime de prestação de serviços: “A Associação Oncológica do Alentejo (AOAL) neste momento crê na versão que foi veiculada pelo senhor presidente do conselho de administração do Hospital do Espírito Santo de Évora (ESE) e essa informação é a seguinte: até final do mês de junho há ainda duas médicas oncologistas que estão no serviço e que a partir daí serão recrutados, em regime de prestação de serviço, a partir daí [final de junho] até setembro, porque entretanto decorrerá o processo de recrutamento de oncologistas a tempo inteiro, portanto, em setembro estará, segundo o presidente do conselho de administração do HESE, normalizada”.

O Hospital do Espírito Santo, em Évora, garantiu a manutenção da articulação com os demais hospitais da região, Beja, Portalegre, Elvas e Santiago do Cacém, de modo a evitar a interrupção das consultas da especialidade e/ou tratamento dos doentes.

A Rádio Campo Maior contactou a Unidade Local de Saúde do Norte Alentejano (ULSNA), que remeteu para mais tarde explicações sobre o assunto.