Estremoz: Assunção Cristas inaugura Barragem de Veiros

AssuncaoCristasBarragemVeiros1A Barragem de Veiros, no concelho de Estremoz, foi esta tarde inaugurada por Assunção Cristas, ministra da Agricultura, do Mar, do Ambiente e do Ordenamento do Território. A infraestrutura resulta de um investimento total de 25 milhões de euros, com comparticipação de fundos da União Europeia.

Assunção Cristas garante que a barragem, que “vai ajudar ao renascimento do interior do país”, começou a ser “falada no século XIX, pensada em meados do século XX e, com este Governo, viu a luz do dia”.

A infraestrutura tem capacidade para beneficiar 1114 hectares e dará água, tanto ao concelho de Estremoz, como ao de Monforte. Cristas garante que esta barragem e “a água trazem a possibilidade de fazer outro tipo de agricultura e de outro tipo de transformação industrial no Alto Alentejo”.

BarragemVeirosA ministra apela agora à Associação de Beneficiários do Perímetro de Rega de Veiros: “que se organize, que comece a mobilizar os agricultores e que se candidatem a projetos do PDR 2020, para que tenham todos os apoios necessários para poderem começar a instalar culturas diversificadas e começar a retirar outros rendimentos das terras”.

O presidente da Câmara de Estremoz, Luís Mourinha, lembra que esta era uma “aspiração antiga, com mais de 160 anos, quer dos veirenses quer dos estremocenses”. Para Gonçalo Lagem, presidente da Câmara de Monforte, esta barragem é tão importante para a região como o “pão para a boca”. “Oxalá traga oportunidades e as pessoas saibam aproveitar aquilo que lhe está a ser concedido”, alega Lagem.