Taxa elevada de mortes associadas a infeções hospitalares

hospitalPlacaNos últimos cinco anos, registaram-se em Portugal 17.715 mortes associadas a infeções hospitalares, de acordo com os dados de um relatório da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Os óbitos foram associados a tratamentos que incluíram a utilização de dispositivos invasivos, como a introdução de cateteres nos doentes ou a ligação dos pacientes a ventiladores.

Em Portugal, a taxa de infeção hospitalar (10,6%) é mais elevada do que a média europeia, sendo que, um em cada dez doentes é infetado nas unidades de saúde nacionais.

Na Europa, a taxa global de prevalência de infeções hospitalares — onde se incluem patologias das vias respiratórias e urinárias, entre outras — fica-se pelos 6,1%. Também no uso de antibióticos Portugal apresenta uma prevalência superior à média europeia.