Seguro Escolar e DECO no “À Conversa Com”

AnaSabidoDECORE_2

A DECO – Associação para a Defesa do Consumidor – alerta para algumas falhas no Seguro Escolar.

Ana Sabido (na foto), jurista na delegação de Évora da DECO, convidada na edição de hoje do “À Conversa Com”, assegura que “os encarregados de educação desconhecem os direitos em caso de acidente”, dado que “as escolas não entregam uma cópia da apólice”, no ato da matrícula.

Este seguro cobre “os acidentes durante a atividade escolar ou, nas férias, na ocupação de tempos livres”. “Fora da escola, é válido em estágios e visitas de estudo, entre outras atividades por ela organizadas. Se os alunos sofrerem um acidente no trajeto de casa para a escola ou vice-versa, também estão abrangidos, a menos que o façam de bicicleta”, explica.

“O seguro paga os tratamentos não comparticipados pelo Serviço Nacional de Saúde, desde que a assistência seja feita em instituições hospitalares públicas”, adianta Ana Sabido. “Se tiver de recorrer ao privado através de um subsistema de saúde ou seguro, o encarregado de edução paga a parte não comparticipada por estes”.

Ouvir aqui “À Conversa Com”