IPP aumenta número de colocados na primeira fase

Instituto_Politcnico_de_Portalegre

O Politécnico de Portalegre (IPP) viu crescer o número de colocados na primeira fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior, em relação aos últimos anos.

O IPP vê colocados 191 novos estudantes, nas diferentes escolas, o que corresponde a uma taxa de colocação de 37 por cento.

Joaquim Mourato, presidente do IPP, assegura que “os resultados não são surpreendentes”, ainda que “o crescimento não tenha sido muito significativo”. Mourato diz-se ainda “preocupado” com a área das engenharias, dada “a falta de procura, tal como acontece em todo o país”. Cursos como Jornalismo e Comunicação, Serviço Social e Enfermagem são alguns daqueles em que as vagas são, todos os anos, praticamente todas preenchidas, lembra o presidente. 

Enquanto presidente do Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos, Mourato garante que, face ao ano anterior, mais de 900 alunos, em todo o país, escolheram Institutos Politécnicos como primeira opção.