No Alentejo vão encerrar 10 escolas no próximo ano lectivo

EncerramentoEscolas239 escolas do primeiro ciclo do ensino básico vão encerrar no próximo ano lectivo, anunciou o Ministério da Educação.

O processo de reorganização das escolas irá prosseguir em 2013, refere o comunicado, pelo que deverá ser anunciado o encerramento de mais escolas no próximo Verão.

Com este anúncio, o número de escolas do primeiro ciclo encerradas desde o ano letivo 2005/2006 sobe para 3.720. No próximo ano estarão em funcionamento 2.330 escolas a leccionar até ao quarto ano de escolaridade.

No Alentejo vão encerrar 10 escolas. Alandroal (Montejuntos e Venda); Estremoz (São Lourenço Mamporcão), Reguengos de Monsaraz (Caridade), Almodôvar (Semblana), Aljustrel (Jungueiros), Odemira (Pereiras-Gare e Amoreiras-Gare), Ourique (Panóias) e Ponte de Sôr (Ervideira). sendo que quatro pertencem ao distrito de Évora e uma ao distrito de Portalegre.

Em Évora encerram as escolas de Montejuntos e Venda (Alandroal), S. Lourenço de Mamporcão (Estremoz) e Caridade (Reguengos de Monsaraz).

João Grilo, presidente da Câmara Municipal de Alandroal, refere que não é uma medida que o surpreenda garantido que em Montejuntos vai continuar a existir o Jardim de Infância.

Ouvir aqui João Grilo

A autarquia estremocense, mostra-se politiccamente contra o encerramente de qualquer serviço publico. No entanto, neste caso, uma vcez que a escola estava a funcionar apenas com cinco alunos, a Camara Municipal de Estremoz nao levantou qualquer obstaculo a este encerramento, segundo Francisco Ramos, vice- presidente do municipio

Ouvir aqui Francisco Ramos

Já em Reguengos de Monsaraz, onde se preve o encerramento da escola dea Caridade, José Calixto, presidente da Câmara Municipal de Reguengos de Monsaraz, refere que ainda nao teve conhecimento oficial desta medida.

Ouvir aqui José Calixto

Os alunos das escolas que encerram serão transferidos para centros escolares ou outros estabelecimentos.