Famílias portuguesas não conseguem pagar empréstimos

endividamentoO crédito mal parado subiu mais de dois mil milhões de euros nos primeiros quatro meses do ano e já ronda os 14 mil milhões de euros. Esta situação traduz-se pela diculdade crescente que as familias e empresas portuguesas têm em pagar os empréstimos.

Nas empresas, o crédito de cobrança duvidosa aumentou 8% de Março para Abril. Nas famílias o agravamento é de 1,6%.

Em Abril a banca nacional concedeu 4,3 mil milhões de euros a novas operações de crédito, menos 12% do que em igual período do ano anterior e menos 25% face ao mês anterior.