Governo propõe acabar com os feriados de 5 de Outubro e 1 de Dezembro

O Governo propõe-se cortar com os feriados de 5 de Outubro, que celebra a implantação da Repúblicade e de 1 de Dezembro, que assinala a restauração da independência em 1640.

Serão estes os dois feriados sugeridos pelo Executivo em contrapartida à proposta da Igreja, que avançou com a possibilidade de abdicar do 15 de Agosto, festa da Assunção de Nossa Senhora, e do Corpo de Deus, um feriádo móvel que calha sempre a uma quinta-feira depois do Domingo da Santíssima Trindade.

Ontem, o Ministro da Economia referiu que não deverá haver mais mexidas nos feriados. A proposta inicial do Governo foi desde sempre o corte de quatro feriados: dois civis e dois religiosos.  

Share on FacebookTweet about this on Twitter